4 inovações no ramo da construção civil para você ficar atento

Desenvolvidas com o objetivo de facilitar, otimizar e tornar mais segura a prática em diversos segmentos, as inovações tecnológicas já podem ser observadas em áreas como a industrial e a têxtil, além de diversos segmentos do setor de serviços.

As facilidades em outro momento da história vistas como “futuristas” já alcançaram até o ramo imobiliário onde é possível comprar e vender apartamentos pela internet e até mesmo contar com um simulador de financiamento imobiliário para descobrir as melhores opções na hora de fechar um negócio. 

A construção civil tem incorporado muitas dessas tecnologias disponíveis no mercado e é sobre algumas delas que iremos falar hoje. Confira!

Um campo da ciência chamado biomimética

Não é novidade para ninguém que a observação é um dos pilares da inovação. A prática tornou possível desde a inspiração em pássaros para construir aviões até a construção de próteses de membros humanos inferiores e superiores com base nas características de outros animais.

Ao estudo da natureza com foco no desenvolvimento de tecnologia se dá o nome de “biomimética”. A área tornou-se uma grande aliada da construção civil pois apresenta conhecimentos sobre renovação, sustentabilidade natural e composição de elementos resistentes encontrados na flora que podem ser incorporados futuramente em variados projetos de edificação.

A mobilidade dos drones a favor de projetos

Os drones são populares em todo o mundo há pelo menos meia década. Sua versatilidade e fácil curva de aprendizado são ideais para projetos audiovisuais, serviços de entrega e faz com que possam ser utilizados até mesmo na segurança privada de condomínios e instalações.

Sua capacidade de alcançar grandes alturas com facilidade tem se mostrado uma importante vantagem estratégica na realização e gerenciamento de projetos uma vez que elimina a necessidade de colocar em risco a segurança dos trabalhadores de uma obra. Um exemplo prático de seu uso pode ser observado em obras que precisam analisar o desplacamento de revestimentos – ação executada pelo dispositivo via medição de temperatura com o auxílio de uma câmera térmica.

Sustentabilidade com o uso de Impressoras 3D

Mais uma tecnologia que não é novidade em outros segmentos, as impressoras 3D são capazes de construir de forma automatizada uma infinidade de objetos dos mais diferentes tamanhos e formatos.

Tal recurso já é utilizado na construção civil de outros países que já oferecem opções no mercado para a realização de obras parcialmente automatizadas, como a australiana Fastbrick Robotics que possui em seu portfólio uma máquina que monta 1000 tijolos por hora, diminuindo o desperdício de recursos e reduzindo de forma significativa o uso de mão de obra. 

Chegada de materiais futuristas ao mercado

Os estudos científicos que buscam materiais mais práticos, econômicos e sustentáveis têm, ano após ano, apresentando um rápido progresso e hoje já é possível encontrar opções que parecem ter saído de um filme de ficção científica para sua obra. 

Alternativas como o bioconcreto autorregenerativo que corrige falhas estruturais, o alumínio transparente, mais resistente que o aço e um forte candidato à substituição do vidro e o contrapiso autonivelante são só algumas dessas tendências que prometem povoar o mercado nos próximos anos!

Tida como uma das áreas menos tecnológicas do mercado, a construção civil finalmente se abriu às facilidades do mundo moderno e conta hoje com um arsenal completo de soluções que otimizam tempo e investimento na hora realizar obras. 

Sucesso em seus novos projetos!

Comments

Comentários


Deixe uma resposta