3 dicas para começar a empreender na construção civil

Montar um negócio no setor de construção civil, assim como em todos os setores é um processo burocrático e que exige uma boa estrutura, tempo, dedicação e esforço.

E manter a empresa sustentável no mercado é mais complexo ainda. Por essa razão, milhares de empreendedores passam por dificuldades todos os dias.

Segundo o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), 1 a cada 4 empresas fecham as portas antes de completarem 2 anos de funcionamento.

Por essa razão, o planejamento e uma boa organização inicial deve ser tratada como prioridade para os negócios que querem se destacar e se desenvolver.

E pensando nisso, nós produzimos esse conteúdo com dicas essenciais que você pode usar em todos os ramos, especialmente no setor de construção civil.

Quer saber mais sobre isso? Então continue acompanhando!

1- Identifique uma necessidade dentro do seu nicho

De nada adianta montar um negócio com um produto ou serviço de qualidade, se a própria empresa não possuir clientes para comprá-los.

Isso, pois é importante achar uma necessidade dentro do ramo de construção civil, para então começar a planejar quais produtos e serviços oferecer para sanar a mesma necessidade. Por exemplo:

Uma empresa que fabrica filme stretch, ou que vende cinta de carga, ou até mesmo que presta serviços de aluguel de máquina de fusão de fibra, por exemplo, deve analisar se seus produtos possuem demanda ou clientes para comprar, mesmo que seja um público  mais específico.

2- Escolha o melhor regime tributário

Agora que você já sabe que necessidade do mercado seguir, é hora de escolher a melhor forma de tributação do seu negócio.

Por sua vez, o regime de tributação define a forma como sua empresa será tributada e como os impostos serão recolhidos pela Receita Federal.

Esse passo é muito importante, especialmente para uma empresa em desenvolvimento, pois uma quantidade excessiva de impostos pode prejudicar a saúde financeira da organização.

Atualmente, os três regimes tributários mais utilizados são o Simples Nacional, o Lucro Presumido e o Lucro Real. O regime ideal irá depender de uma série de fatores, como o seu ramo de atividade, localização, número de colaboradores, entre outros.

Por essa razão, converse com seu contador e veja qual é o melhor regime para sua organização começar a se desenvolver no mercado!

3- Tenha funcionários motivados

Por último, é importante que a organização tenha foco em garantir os melhores resultados e se destacar diante da concorrência. E nada melhor do que ter funcionários totalmente motivados.

Busque por profissionais capacitados e que sejam compatíveis com o perfil e princípios da empresa. Dessa forma, eles irão impactar e melhorar a produtividade da organização e entregar seus serviços profissionais com qualidade.

O planejamento é a base do sucesso

Ao longo deste post, ficou claro que investir em um empreendimento exige muito esforço, em razão da burocracia e da competitividade entre as empresas.

Por isso, identificar uma necessidade dentro do seu nicho, escolher o regime tributário mais adequado e ter funcionários motivados são fatores cruciais e que podem levar qualquer empresa o ramo de construção civil a ter sucesso!

O que você acha de montar uma empresa no ramo de construção civil? Conta pra gente!

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, criadora de conteúdo do Soluções Industriais.

Comments

Comentários


Um comentário sobre “3 dicas para começar a empreender na construção civil

Deixe uma resposta