Como reaproveitar materiais de construção

A construção civil é um dos setores mais fortes na economia brasileira, gerando renda e emprego, mas também muito desperdício que interfere diretamente no meio ambiente. Uma das razões é o descarte inadequado de resíduos.

Assim como todo cidadão deve se preocupar com a reciclagem do lixo doméstico, o pedreiro e os demais profissionais do setor, bem como as empresas, devem se preparar para fazer o reaproveitamento dos resquícios das obras.

Essa ação é importante para evitar desperdício de material, reduzir acúmulo de resíduos e diminuir a sujeira nas construções, além de baixar os custos.

Reaproveitar o entulho é importante tanto econômica quanto ambientalmente, por contribuir na diminuição da extração de recursos naturais e poluição atmosférica. Da mesma forma é relevante socialmente, gerando novos empregos, diminuindo descartes irregulares e acúmulo de sujeira.

Muitos empreendimentos, atentos à questão, utilizam material de construção e técnicas que evitam perdas. É o caso do Molfix usado na montagem de colunas e vigas, e da Argamassa Polimérica usada para assentar tijolos e blocos, produtos inovadores na construção a seco, onde são utilizadas estruturas pré-fabricadas, como lajes e paredes.

São muitos os motivos para reaproveitar os materiais de construção. Alguns deles são:

  1. Reduzir os custos da obra: quanto mais material for reaproveitado, maior será a economia, evitando, assim, comprar mais que o necessário. No caso de demolição, com a utilização de técnicas de desmonte, é possível aproveitar muitos itens que seriam destinados ao lixo.
  2. Diminuir a extração de recursos naturais: muitos materiais utilizados na construção civil são de origem mineral, que têm recursos limitados no meio ambiente. O que não tem utilidade em um projeto pode ser útil numa outra construção. Isso ajuda a diminuir a extra desses recursos.
  3. Diminuir a poluição nas cidades: a construção civil gera muito resíduo sólido que, na maioria das vezes, é descartado de maneira irregular. Reaproveitar o material de construção interfere diretamente na limpeza da cidade e na saúde das pessoas.
  4. Agrega valor à imagem do profissional/empresa: a responsabilidade social e ambiental é valorizada pela sociedade. Portanto, a empresa e os profissionais que têm responsabilidade com seu trabalho e com a comunidade são bem vistos e reconhecidos pelo consumidor.

Como reutilizar materiais que iriam para o lixo?

Existem muitas maneiras de reutilizar o material que seria desperdiçado. Ele pode mudar a cara do ambiente fazendo parte da decoração ou até ser vendido e gerar renda, contribuindo também no orçamento final de quem trabalha com a reciclagem.

Muitos materiais podem ser utilizados na fabricação de móveis e elementos de decoração. Sobras de madeira podem ser transformadas em bancos, cadeiras, mesas, aparadores e nichos.

Imagem relacionada

Com criatividade é possível transformar canos, vidros, latas de tintas e outros materiais em luminárias, vasos de plantas, porta-copos e muito mais. O porcelanato também pode ser usado na confecção de mesas, aparadores e armários.

Se não for do seu interesse reaproveitar o material, como sugerido acima, ainda é possível vendê-lo por um valor menor. O material vai ser reaproveitado por outra pessoa e ainda vai gerar lucro para o dono.

Infelizmente não é todo material que pode ser reaproveitado, como vidros e material feito com amianto. Eles podem causar contaminação no solo e na água. Nesses casos, o correto é encaminhá-los de volta ao fabricante para que tenham tratamento adequado, evitando danos ambientais.

Resultado de imagem para Como reaproveitar materiais de construção

Reciclar e transformar o lixo

A reutilização do entulho gerado para construir casa ou outro empreendimento é importante socialmente, por questões ambientais e econômicas. Essa execução pode ser feita dentro ou fora dos locais da obra.

Quem coloca em prática esse hábito coopera para a fabricação de novos materiais. Os materiais separados para reciclagem passam por um processo de trituração e granulagem. É possível utilizar o material resultante desse processo como matéria-prima para a confecção de outros produtos, como tijolo e brita.

A reutilização do material que iria para o lixo pode ser feita também nas pequenas obras. Portanto, ao procurar a loja de material de construção para comprar as ferramentas e produtos que vão ser usados, fique atento ao que pode ser reciclado.

Conta pra gente: como você acha que pode reaproveitar o que iria para o lixo no seu trabalho?

Comments

Comentários


Deixe uma resposta