Como gerar acabamento com impermeabilizantes para obras?

Você já deve ter sido chamado muitas vezes para resolver problemas de infiltração nas paredes e no teto de obras. Afinal, além de terem um aspecto desagradável, estragando a estética dos ambientes, o excesso de infiltrações pode gerar mofos e criar (ou agravar) problemas respiratórios nas pessoas que frequentam o imóvel.

É quando a infiltração é visível nas paredes que o problema parece ainda maior, exigindo do pedreiro pensamento lógico para a rápida resolução desse cenário. Os mais experientes sabem que a melhor saída é apostar em impermeabilizantes para obras.

Mas o que é esse produto e como ele pode ajudar a acabar com a infiltração em paredes e tetos?

As vantagens dos impermeabilizantes para obras

Quando uma obra começa, o profissional da construção civil responsável por ela deve pensar em todas as variáveis para evitar que problemas como infiltração passem a ocorrer assim que a obra termina.

Os impermeabilizantes para obras são ferramentas essenciais nesse processo de solucionar o problema antes mesmo de ele acontecer, já que a maioria dos casos de infiltração ocorre justamente porque o pedreiro se “esquece” de impermeabilizar as paredes nessa parte do trabalho.

Quando aplicamos impermeabilizantes para obras diretamente na estrutura, entendemos que essa é a melhor forma de evitar que o material interno das paredes e laje fique danificado quando ocorre excesso de chuvas ou problemas na canalização que passa por entre os tijolos e concreto.

É por isso que acabar com o problema da infiltração só passando um novo revestimento de tinta não faz muito sentido: se não houver a aplicação de impermeabilizante para obras nas paredes, na próxima chuva forte o problema voltará a ocorrer.

Por isso, a principal vantagem da utilização de impermeabilizantes para paredes é, justamente, evitar que a infiltração ocorra no futuro. Dessa forma, tanto o cliente economiza, por não precisar refazer a obra, quanto o pedreiro se dá bem, por entregar algo de qualidade e fazer seu nome ser reconhecido por isso.

Fazendo o acabamento com impermeabilizantes para obras

Se você ainda não utilizou impermeabilizantes para obras para fazer o acabamento das paredes e laje dos seus clientes, preste atenção no passo a passo a seguir. Ele é extremamente simples e vai te auxiliar no entendimento completo do uso desse recurso para inovar ainda mais na sua construção ou reforma.

Se você for usar impermeabilizantes para obras para refazer uma parede já pronta, retire toda a pintura existente, além do reboco, para expor toda a alvenaria construída. Caso esteja fazendo a parede pela primeira vez, siga os próximos passos antes da aplicação da tinta.

  1. Na alvenaria completamente exposta, sele corretamente todas as fissuras para que não haja espaço para a infiltração da água;
  2. Ao fazer o chapisco, adicione a ele os impermeabilizantes para obra escolhidos;
  3. Utilize um rolo de pintura para aplicar o chapisco de maneira mais fácil;
  4. Na argamassa, utilize os impermeabilizantes para obras específicos para essa finalidade, como Rebotec e Vedalaje, e aplique o reboco na superfície toda (seja ela uma parede ou laje);
  5. Faça o acabamento com a pintura final, que vai selar a nova parede protegida com impermeabilizantes para obras.

Depois desses passos, para fazer um acabamento perfeito, não se esqueça de utilizar ferramentas inovadoras, como o pad para pintura de paredes, que vai acelerar seu trabalho sem colocar em risco a qualidade dele.

E, nas próximas obras, lembre-se de avisar ao cliente sobre a importância dos impermeabilizantes para obras antes mesmo de assentar o primeiro tijolo. O material pode gerar um custo inesperado ao cliente, mas faz parte do seu trabalho como pedreiro mostrar que ele vai economizar muito mais, a longo prazo, se investir em bons produtos desde o início.

Quer saber mais como melhorar sua imagem no mercado, seja com o uso correto dos impermeabilizantes para obras ou o de qualquer outra ferramenta de inovação e qualidade? Leia outros textos do nosso blog!

Comments

Comentários


Deixe uma resposta